#Preference - Ele te deixa no dia do casamento. (Harry, Niall, Liam)

Harry:

Respirei fundo várias vezes e apertava o braço do meu pai que sorria sussurando que tudo estava perfeito, abriram as portas e a música se fez presente, todos os olhares voltados para mim, olhei para a família de Harry que me encarava feliz, várias câmeras registrando o momento, o olhar orgulhoso de minha mãe, o de ‘missão cumprida’ dos meninos… Eu nem acreditava que estava aqui mesmo, me casando.
Então, eu procurei o olhar que mais me importava nesse momento, ele estava me olhando com a boca fechada sem nenhuma expressão, quando meu pai me ofereceu para ele, continuou parado me olhando, olhou para sua mãe que estava do lado direito do altar e logo me olhou de novo.
- Harry… - eu sorri um pouco e sozinha me aproximei dele.
- Eu não posso fazer isso - ele falou baixo, o olhei sem entender, ele olhou para todo mundo e depois me encarou - eu não posso casar!
- O-o que…
- Eu me apaixonei por outra pessoa (S/n), me desculpe - assim que ele falou isso uma menina se levantou sorridente, era ela… Todos fizeram um “Ohhhhhh”.
- Então por quê me pediu em casamento? - me afastei bruscamente dele, mas falei baixo.
- Eu… Eu acho que nosso amor não será capaz de segurar um casamento! Mas eu queria poder…
- Então vai Harry - falei baixo com as lágrimas descendo sem parar do meu rosto.
- (S/n) você é a mulher que eu mais am…
- Por favor, não faz isso ficar mais difícil… Só vai - apontei para a porta da igreja, ele ainda me olhou um pouco e por um momento achei que ainda existia amor, que existia respeito, que iria existir um casamento, mas ele foi até a mulher - que já era realmente uma mulher, bem mais velha - e pegou na sua mão saindo da igreja, senti vários braços me segurando quando fui ao chão desesperada, meu choro por toda a igreja.
- Eu só queria ser feliz - minha voz sai falhada e triste, aquele era o pior momento de toda a minha vida.

Niall:

As meninas riam das besteiras que meu amigo gay - que estava fazendo nosso cabelo - falava, eu ria, mas já era acostumada com suas loucuras.
Hoje seria meu casamento, dentro de algumas horas eu estaria entrando numa igreja e me dando de corpo e alma para Niall, só de pensar nele meus olhos brilhavam, estava na minha cara que eu sou completamente apaixonada pelo homem que vive ao meu lado, todas as vezes que sorria, ele era um dos motivos… E hoje ele se tornará meu marido, meu Deus, marido! Sorri mais uma vez atraindo olhares.
- Pare de suspirar e ficar soltando sorrisos - Adrew falou com sua voz afetada fazendo todas rirem - guarde essas coisas para mais tarde.
- Ridículo - mandei a língua para ele, tinha um fotógrafo no quarto registrando esses momentos para que no futuro eu os olhassem e me sentisse de novo naquele dia.
- (S/n)? - uma das secretárias me chamou e eu virei um pouco vendo a mulher com um telefone sem fio na mão - Acho que é seu noivo…
- Oh, me dê - falei animada e as meninas protestaram dizendo que ele não podia falar comigo até a hora - Calem a boca… Oi, meu amor - falei sorrindo e esperando por sua resposta, mas só veio um suspiro.
- (S/n), me desculpe - ele falou baixo, desculpa?
- Te desculpar pelo o que? - também falei baixo.
- Eu… Eu estou nos Estados Unidos agora.
- Você o que?! Ficou louco Niall, o casamento é daqui algumas horas! Como vai chegar a tempo? - falei nervosa e todos os olhares estavam vidrados em mim.
- Esse é o ponto, não vai ter casamento, não quero e nem posso casar! Eu te amo, eu te amo mais que tudo, mas não estou pronto para formar uma família, ainda tenho tanto o que viver, me desculpe! - eu já chorava borrando a minha maquiagem que tanto amei.
- Isso é uma pegadinha…
- Como eu queria que fosse! Não quero te magoar ou te deixar triste, eu só não me imagino como um chefe de casa, mas (S/n) (S/s) você é melhor coisa que já aconteceu na minha vida, não pense o contrário, só não estou pronto - sua voz estava com tanta certeza e era isso que mais me doía.
- Então seja feliz, mas nunca esquece que estava aqui quase pronta para ser sua pela eternidade, ainda depois disso eu te amo, me desculpe por não ser suficiente.
- Você é sufi…
Desliguei antes que ele terminasse, eu sabia que não era, ele nunca me amou, só eu para acreditar que um homem como aquele um dia iria me querer para o resto da vida, ele sempre foi tão bom com as palavras… Ele acabou nosso casamento por uma chamada no celular.
- (S/n), não me diz que… - minha irmã falou e eu concordei me redendo a pior dor que já tinha sentido, as piores lágrimas que já derrubei, olhares de pena de todos.
- O Niall não vai estar aqui, ele nunca quis se casar, ele nunca me quis - saiu mais como um grito e todas vieram ao meu encontro me abraçando e falando palavras de apoio, o que agora: não me adiantavam de nada.

Liam:

Meu sorriso devia estar de um canto ao outro enquanto o padre falava, aquele foi o dia que esperei por mais de um ano, quer dizer, esperei a minha inteira e estava fazendo com a pessoa que mais amava nessa terra, sempre como nos meus sonhos, cada detalhe perfeito.
- Liam James Payne, você aceita (S/n completo) como sua legitima esposa? - o homem velho perguntou sorrindo um pouco, esperei pela resposta, mas depois de uns dez segundos em silêncio olhei para Liam que olhava para o chão.
- Liam - apertei sua mão e ele me olhou, ficou mais uns bons segundos só me olhando.
- Eu não… Eu não posso casar - falou alto o suficiente para todos escutarem, o que?
- O que? - perguntei assustada.
- (S/n), eu não posso fazer isso comigo mesmo, eu estive amando outra pessoa e querendo me enganar! - ele levantou e olhou para o fundo da igreja e eu como todos seguimos seu olhar, Danielle, a sua primeira namorada.
- Eu sabia - falei baixo - meu Deus, porque não me falou antes? Esperou vir até a igreja e me humilhar na frente de todos? - minha lágrimas já desciam sem parar, senti uma mão no ombro e virei dando de cara com Harry que era um dos padrinhos, ele me apertou em um abraço enquanto chorava em seu pescoço.
- (S/n), eu sinto muito - Liam falou se aproximando.
- Não, eu que sinto, por ter acreditado que você poderia me amar… Vai Liam, se é ela quem você ama, mesmo depois de tudo que te fez *sei que a Danielle não fez nada, isso é só o papel dela aqui mesmo* ainda troca tudo que tem por ela - falei o olhando, ele concordou devagar e olhou para o fim da igreja onde ela estava, olhou nos meus olhos e deu um longo suspiro.
- Espero que um dia me perdoe - falou saindo pelo tapete vermelho, com todos os olhares para ele, vi na hora que passou por seus pais e família, parou um pouco, mas a mãe dele também chorava, antes dele sair pela porta, seu olhar se encontrou com o meu mais uma vez e li seus lábios formarem um “Eu te amo”.
Mas tudo não passava de uma mentira.
- Shh, está tudo bem, vai passar - Harry falou quando eu comecei a chorar alto, o que era para ser o melhor dia da minha vida se tornou o pior.

Gabi

Gabi, vc postou um imagine do harry em 23 de julho de 2013,, esses dias eu tava procurando uns imagines pq nao tinha nada pra fazer, e achei esse, q a (s/n) se esquece quem é o harry e eu queria saber se tem continuação pq nao achei,, bjs

Tem continuação sim! Logo que postei a primeira parte postei a segunda, nem tenho como te mandar link aqui :( mas volta aqui amanhã que eu procuro no computador, tá? Ou tenta achar ai mesmo bjjj

Gabi

Esta aceitando pedido de imagine?
Anônimo

Pode mandar que fica anexado na inbox e quando alguma mod entrar e se interessar, faz.
/lululis

4 anos! YAY!

É sei que tô atrasada, sou retardatária, mas enfim… 4 anos, PAI CELESTE! São quatro anos com essas criaturas… Eu ontem não estava muito pra comemorar embora estivesse feliz pelos meus meninos, mas ontem também fez 3 anos que minha Amy se foi e fez 32 anos que meu Sexy Wesley habita o planeta Terra então ontem foi um dia muito confuso. Mas o que importa é que semana que vem completa 4 anos que eu conheci esses cinco, que meu amigo me recomendou assistir txf e eu me apaixonei pelos patetas da escada… Eles eram tão bobos e é tão bom ver que mesmo que eles sejam homens agora, nunca perderam a essência de meninos.
E não importa qualquer namoro ou polêmica que eles se envolvam eu estou aqui desde o início e vou estar até o fim (que esse demore muito pra chegar). Eu amo esses viados e mesmo que eles me irritem com o fato de fumarem, eles são meus (mesmo que não saibam) e nunca vou abrir mão deles.
/lululis

Obrigada amor , ajudou muito 😊 vou dizer para minha amiga para colocar na fic dela 😀
Anônimo

Nada anjo! É sempre bom ser útil ;)
/lululis

Lucy como monta esses sets de roupas q vc falou ?
Anônimo

você cria uma conta depois vai em criar ai vai aparecer um painel onde você escolhe se quer ver blusas, calças, sapatos… coisa do tipo, ai você vai clicar em uma das seções e vai escolher uma que gostou e vai arrastar pro seu espaço de criação.
/lululis

Gabi ou qualquer uma das meninas sera q vcs podem me ajudar ?? Minha amiga esta escrevendo uma fic e no 4 capítulo ela quer colocar roupas ? Vcs sabem algum site bom e como colocar as roupas juntas ?
Anônimo

Eu uso o polyvore, você monta os sets de roupa, é bem fácil.
/lululis

Eu não sabia como eles haviam afundado tanto assim, só sabia que estava fadada a afundar junto, então já que estamos nessa areia-movediça da fama e vamos afundar uma hora ou outra, prefiro fazer o meu melhor pra retardar o processo, antes que todos nós morramos sufocados em nossas farsas e mentiras. By Morphine (Coming soon).

Gab vou te chamar de pocahontas agora parece muito
Anônimo

NÃO! Você já é a quinta pessoa que me fala isso ahahha mas sinceramente? Não acho nada parecida, ela é muito perfeita e tem os rosto bem fino, sem falar do corpo… Eu amo a Pocahontas, só não mais que Ariel, quem me dera ser como ela hahaha mas se me comparou com ela só posso agradecer né? Haha

Gabi